Bem-vindo à página oficial da Presidência da República Portuguesa

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Marcelo Rebelo de Sousa

PRESIDÊNCIA DIRETA

Veja as Imagens | NOTÍCIAS

Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (1)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (2)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (3)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (4)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (5)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (6)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (7)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (8)
Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa (9)

Clique na imagem para ampliar.

NOTÍCIAS

Estreia do Documentário “Correspondências” de Rita Azevedo Gomes no Cinema Ideal em Lisboa

Presidente da República na estreia do documentário “Correspondências”

O Presidente Marcelo Rebelo de Sousa assistiu, no Cinema Ideal em Lisboa, à estreia do documentário “Correspondências”, de Rita Azevedo Gomes, sobre a correspondência que os poetas Sophia de Mello Breyner Andresen (1919-2004) e Jorge de Sena (1919-1978) trocaram ao longo de duas décadas (1959-1978).

À chegada, o Presidente da República foi recebido pelo Diretor do Cinema Ideal, Pedro Borges, pela realizadora da obra, Rita Azevedo Gomes, pelas produtoras, Joana Ferreira e Isabel Machado, e pela filha de Sophia de Mello Breyner Andresen, Maria Andresen, entre outros familiares.

Antes da exibição do documentário, o Diretor do Cinema Ideal deu as boas-vindas, a que se seguiu o agradecimento pela realizadora do documentário. A apresentação da obra foi feita pela filha de Sophia de Mello Breyner Andresen, Maria Andresen.

08.03.2018
partilhar | imprimir | enviar | voltar

© 2016-2018 Presidência da República Portuguesa