Presidente da República felicita a Presidente da Comissão Europeia pelo discurso do Estado da União

O Presidente da República felicita a Presidente da Comissão Europeia, Ursula Von der Leyen, pelo seu primeiro discurso do Estado da União, hoje pronunciado em Bruxelas.

O que transmitiu foi um estado da União promissor em tempos difíceis, sem esconder as atribulações e o esforço a que os Europeus são convocados, mas em que a Europa pode, e deve, liderar, seja no que respeita ao ambiente, ao digital ou à cooperação global.

São tantas as propostas e as ideias que transmitiu neste seu discurso que, não podendo referi-las todas, o Presidente da República assinala três que consubstanciam a essência da Europa de valores, solidária e ativa, uma Europa de mudança, que protege, é baluarte de estabilidade e um continente de oportunidades. A construção efetiva de uma União Europeia para a saúde, com um programa europeu, uma nova agência para a investigação biomédica e o lançamento de um debate sério sobre o alargamento das competências na política de saúde; a proposta de concretização de uma estrutura europeia de salários mínimos; e o aumento das metas ambientais para 2030.

Após escutar o discurso do Estado da União o Presidente da República sente ainda mais justificado o convite que fez, e foi aceite, para a presença da Presidente da Comissão Europeia no Conselho de Estado que terá lugar no próximo dia 29 de setembro.

A Próxima Geração Europa (“Next Generation Europe”) que tantas vezes referiu no seu discurso, e que é a um tempo o grande esforço financeiro solidário e europeu e a voz das crianças e dos jovens que lembrou, não pode senão sentir-se motivada por este grito de alma europeu que evocou: “os valores da Europa não estão à venda”.

16.09.2020