Presidente da República saúda confirmação do Dia da Língua Portuguesa

A Conferência Geral da UNESCO acaba de ratificar a decisão de estabelecer o dia 5 de Maio como Dia Mundial da Língua Portuguesa. É a primeira vez que uma língua não-oficial daquela instituição recebe esta consagração, e todos esperamos que seja um primeiro passo para que se torne também língua de trabalho.

Língua internacional, falada em todos os continentes, e em progressão, sobretudo no hemisfério Sul, o Português deve ser protegido e apoiado antes de mais pelos países da CPLP onde é idioma oficial; Também as organizações internacionais, os Estados onde se fale e estude o Português, universidades ou instituições da sociedade civil de países não-lusófonos têm um papel muito importante a desempenhar, porque permitem, no círculos de emigração e para além deles, que a nossa língua (nossa de todos os falantes, independentemente da sua nacionalidade) continue viva e em expansão. Constitui um elo central de ligação entre o território físico de Portugal e a dimensão multinacional da nossa Diáspora.

Congratulo-me com esta decisão, saudando também o empenho do nosso Embaixador junto da UNESCO, Prof. Doutor Sampaio da Nóvoa, e esperando que, mais do que um gesto simbólico, seja um impulso decisivo.

25.11.2019