Presidente da República lembra Álvaro Barreto

Álvaro Barreto teve uma vida ao serviço de Portugal. Engenheiro civil de formação, notabilizou-se como gestor e como governante, colocando o melhor do seu saber, talento e trabalho ao serviço do desenvolvimento da economia portuguesa, em áreas como a indústria, o comércio, a agricultura e as pescas.

A sua excelência como gestor foi reconhecida ainda jovem pelo Estado português, com a comenda da Ordem do Mérito Civil e Industrial, ainda na década de sessenta.

Deu um contributo de grande relevância para a governação e para as políticas públicas da nossa Democracia, tendo servido como Ministro de Portugal em sete governos, tendo como Primeiros-Ministros Mota Pinto, Sá Carneiro, Pinto Balsemão, Mário Soares, Cavaco Silva e Santana Lopes, desbravando e consolidando a modernização do País e a integração europeia.

Conduziu em diversos momentos as negociações sectoriais, de extraordinária exigência técnica e política, com a União Europeia, e representou Portugal sempre com o mais elevado sentido de Estado.

No momento da sua partida, o Presidente da República relembra o amigo e envia à família enlutada as mais sentidas condolências, expressando de forma muito sentida e grata o enorme reconhecimento de Portugal.

10.02.2020