Bem-vindo à página oficial da Presidência da República Portuguesa

Nota à navegação com tecnologias de apoio

Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação: motor de busca (tecla de atalho 1) | Saltar para o conteúdo (tecla de atalho 2)
Marcelo Rebelo de Sousa

MENSAGENS

Presidente da República assinala centenário de Francisco de Sousa Tavares

Assinala-se hoje o centenário de Francisco de Sousa Tavares, que os Portugueses recordam, e sempre recordarão, pela sua fibra, pela sua verticalidade de princípios e pela sua devoção à causa da liberdade.

Antes e depois do 25 de Abril de 1974, Sousa Tavares foi um corajoso homem de causas, um adversário intrépido de todas as formas de ditadura, um lutador indomável pela democracia.

Advogado, jornalista e político, distinguiu-se nesses três planos pelo desassombro das suas intervenções, pela pena inflamada e pela voz poderosa que, ora na barra de um tribunal, ora numa coluna de opinião, ora no cimo de uma guarita do Largo do Carmo, ora nas bancadas de São Bento, revelou sempre, e acima de tudo, um profundo amor a Portugal e aos Portugueses.

Foi deputado e governante, figura cimeira dos meios culturais lisboetas, mas nunca se deixou ofuscar pelo brilho do poder ou das glórias mundanas.

Manteve, até ao fim da vida, uma extraordinária integridade de carácter e independência de espírito, qualidades que fizeram dele uma das vozes mais respeitadas do Portugal democrático.

Em 1983, foi agraciado com a Ordem da Liberdade, a distinção mais certa e mais adequada que a República podia dar a um homem que, como poucos, deu o contributo de uma vida para que hoje vivamos num país mais livre, mais democrático e mais justo.

Neste dia do seu centenário, saibamos estar à altura do patriotismo inconformado de Francisco de Sousa Tavares.

Marcelo Rebelo de Sousa

12.06.2020
partilhar | imprimir | enviar | voltar

© 2016-2020 Presidência da República Portuguesa